04 julho 2011

Como foi a fase que engordei tanto

postado por Rachel

Ontem eu respondi um post de uma menina que também está na luta para emagrecer e que dizia mais ou menos assim: "meu maior vício é sorvete e pior do que isso, trabalho numa fábrica de sorvete. Mas espero conseguir emagrecer".

Eu devolvi a questão perguntando se sempre foi viciada em sorvete ou a facilidade atual em ter sorvete é o que lhe motivava a ter o tal vício. Lancei esta pergunta contando um pouco da minha própria história. Eu não vou fazer aquele discurso clássico - porém super verdadeiro na minha história também - de que sempre fui gordinha, de que ninguém me ajudava na dieta e de que tentei milhares de formas milagrosas sem sucesso. Eu serei mais específica. P
assei maior parte dos meus 20 anos lutando contra os 100-104 kg que sempre apareciam na balança. Para mim era trágico o que os números mostravam. Nunca imaginei que poderia ficar ainda pior. Na época, consegui um super emprego - tipo o Diabo veste Prada - local da moda, gente bonita, fina e "alongada", mas que me sugava até a alma. Mesmo assim um trabalho interessante e excitante.
No andar debaixo uma lanchonete - vegetariana - mas com uns biscoitinhos amanteigados com goiabada que nunca dei muita bola, mas que passaram a ser os meus fiéis escudeiros. Mais pra frente, uma feira que frequentávamos 1x por semana para juntar mais ainda os funcionários (e falar mal do chefe, cá pra nós). Dali saíram os bolinhos de aipim com queijo, aipim com carne e pastel, muito pastel. Depois, empresa oferencendo comida gordurosa sem custo algum e sempre - todos os dias - um espaço para sobremesa (bolo de laranja, pão de mel, paçoquinhas) da lanchonete ali debaixo. Você pegava o que quisesse e pagava tudo no fim do mês! Como estava há poucos meses morando sozinha, sabia que não teria nada pronto me esperando em casa e passava na padaria lá pelas 9 da noite ao sair do trabalho - que deveria ter largado às 6h - comprava besteiras todas prontas, me jogava na cama e comia até não aguentar mais, vivia exausta. Inventei umas obras na casa e tudo tava mais fora do lugar do que nunca, nessa fiquei uns 4 meses sem gás esperando mudarem o encanamento que estava com vazamento! Tudo novo! A terapia me dava uma energia extra, ainda bem!

Moral da história: Sem tempo, ansiedade ao nível máximo, chefe difícil, facilidades gastronômicas sem qualidade, correria, stress, mais de 12 horas de trabalho por dia...
6 MESES = 25 QUILOS A MAIS + remédio para pressão alta


De repente, quando menos esperava, exausta de tudo - inclusive das minhas calças jeans que não fechavam mais - fui demitida. Como assim? Eu era a própria Andrea chefiada por Miranda Priestly. Estranho. Muito estranho. Chorei muito, mas o mais estranho foi a sensação de alívio que me invadiu. Em casa de pernas para o ar, com dinheiro da rescisão, eu pensava: vou pedir pizza, vou fazer bolo, vou conhecer o melhor cappuccino da cidade, vou comer naquele restaurante novo que nunca consegui ir por falta de tempo... E nisso... 

5 quilos a mais. Em cima dos 25 já conquistados anteriormente = 30 quilos


Logo novo emprego, novos desafios. Sem roupa, sem boa aparência. Agora os pés doíam pra valer, mas fui lá e iniciei o trabalho, sem chefe por perto, super autonomia. Consegui um emprego, então, que alegria, então, mais comida, comida, comida!!!



Mais 6 quilos em cima dos 25 e em cima dos últimos 5 =
36 quilos em menos de 1 ano

Eu queria tanto ter achado um culpado nessa história, viu? Queria dizer que foi culpa do chefe ou do trabalho com hora para entrar e sem hora para sair, da falta de tempo, depois do desemprego, da minha vida pessoal - que, automaticamente, ficou fora de compasso com a minha querida e sonhada carreira - mas já dizia Sócrates: "Só sei que nada sei". Eu juro que não vi nem ao menos quando eu perdi o último jeans para a prateleira de cima - aquela em que colocamos só as roupas que AINDA não cabem.


27 comentários:

  1. Rachel,
    Me identifiquei demais com seu post! Foi ótimo saber que tem gente que passou por uma parte das coisas que passei. Deixa eu te contar minha história.

    Vim morar na capital do meu estado aos 16 para estudar. Aos 18 entrei na faculdade (jornalismo) e logo fui fazendo um estágio atrás do outro. Sempre fui gordinha, mas era controlada. Num desses estágios a empresa pagava almoço, e os colegada de trabalho almoçávam todos juntos. Eles comentavam que eu comia menos do que todo mundo, então com o tempo achei que podia comer mais um pouquinho, mais um pouquinho, e fui engordando.

    Depois disso fui trabalhar em outra empresa. Nunca tive o hábito de lanchar e muito menos de comer biscoito, chocolate, essas coisas. Mas uma colega de trabalho todo santo dia me oferecia biscoito recheado e eu fui acostumando. Em um ano já comia sozinha um pacote de biscoito recheado por dia na empresa.

    Fora isso, enfrentei inúmeras mortes na minha família num curto período de tempo, mortes por doença que me deixaram sem chão, inclusive da minha vó que me criou. Fui ficando sozinha no mundo e o stress aumentando. E eu comendo.

    Como se já não bastasse, depois de seis anos de relacionamento o homem que eu mais amei na vida foi embora e casou com outra. Já viu, né?

    Mas não era tudo: enquanto tudo isso acontecia, resolvi deixar a carreira de jornalista e ir fazer Direito. Quando terminei a faculdade fui trabalhar no escritório de um amigo e ele me passou a perna. Resultado: desempregada, triste, f... e mal paga.

    Agora estou recomeçando, ou pelo menos tentando. Tenho meus próprios clientes. Minha auto-estima é algo que não existe mais, mas eu estou na luta. Se sobreviver já está difícil, imagina emagrecer! Estou psicologicamente descompensada, mas não desisto.

    Como diria Guimarães Rosa, "o que a vida quer da gente é coragem".

    Vamo simbora!
    (desculpa ter contado tanta coisa, mas é que às vezes nossas histórias também ajudam outras pessoas, né?)

    bjssss

    ResponderExcluir
  2. Olá lindona! Tbm me faço essa pergunta muitas vezes! Já fui magra mas comecei a engordar de volta quando comecei a trabalhar.... tinha vale refeição, colegas gulosos que iam td dia a churrascarias e casas de massas, depois esses mesmo colegas viraram fdps querendo puxar seu tapete... chefe banana e por aí vai....

    Mas eu acho que a grande questão agora é pensar que tudo isso passou... ficou pra tras, e se preparar pro que vem pela frente! É duro quando a gente pensa no quanto o que aconteceu ontem nos magoou, como queriamos ter agido diferente... mas isso já foi. Bola pra frente. E além do mais essas coisas só nos servem pra nos deixar ainda mais forte e preparadas pro que merecemos, e com certeza vc merece o melhor!!!!

    Bjosss!!!

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu post! Deu uma animação e foco para eu tomar as redeas que soltei no fim de semana!

    Obrigada mesmo!

    ResponderExcluir
  4. oiee
    legal teu post...conheci vc um poucoquinho...
    e bora emagrecer todos esses kilinhos ai!

    bj

    ResponderExcluir
  5. bom dia lindona adorei seu post e espero que julho seja ainda melhor para todas nós, muitos e muitos parabéns pela sua vitoria de eliminar 4 quilos é muito bom quando vemos resultados significativos e força que vc consegue muito mais. bjks

    ResponderExcluir
  6. uau, que historia...

    Sabe, as vezes acho que se o emprego nao nos faz feliz, engordamos... ( esse e o meu ponto de vista )...

    Eu to lutando tambem, Raquel, e sei o quanto e' dificil pra nos, que um dia ja fomos mais magras...
    Sim,Eu ja pesei 65kilos....
    Quando eu vim pra Londres, meu peso 65... mas acho que o fato de estar longe da familia, o extresse da cidade... Sim, porque Londres e' uma cidade super extressante... a nao ser que voce venha pra passar ferias... rsrsrs

    o importante, Raquel e' que nos ja somos vencedora pelo simples fato de reconhecermos que nao estamos bem assim.... Mas nao para os olhos dos outros.... Como diz uma amiga queridissima portuguesa: QUERO MAIS QUE OS OUTROS VAO PRO CARALHO!!!... rsrsrs ( desculpe-me pela expressao! )
    Mas fazer a gente acordar e ver que nao estamos bem com a gente mesmo ja e' uma grande passo para a nossa vitoria!!!

    Estou aqui, torcendo por voce... E com certeza, se voce continuar pensar assim, ( e eu tambem ), nos estaremos mais magras para o natal...

    bjao

    ResponderExcluir
  7. Adorei...adorei...e adorei a pontagem!!!!! me emocionei com a história!!!!! vc sabe muito bem oq está dizendo.... vc está totalmente sã as coisas que tem q conquistas....e totalmente convicta do que quer!!! isso mostra determinação e força de vontade!!! 4kg em 1 mês é maravilhoso.... mas pense que pode mais!!!!!!!!!!!
    oq precisar pode contar comigo!!!
    bjuuuuuu....e um ótimo dia!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Rachel!
    Que lindo o seu post!! Realmente, às vezes damos prioridade pra algumas coisas (como o trabalho), e esquecemos de cuidar de nós, né!
    E hoje em dia, nesse mercado louco, as empresas tão querendo funcionários que estejam 100% à disposição deles, aí é complicado, né!
    Mas, parabéns pela sua luta, e por ter forças pra dar a volta por cima, e começar a mudar sua vida pra melhor!!
    Super beijo e ótima semana =)

    ResponderExcluir
  9. Amiga, nossa fiquei encantada com seu post, vc é uma guerreira e minha historia é muito parecida com a sua. No meu ultimo emprego, fiquei 14 meses e de recompensa por tudo que eu fiz por eles, ganhei muito stress e 16 kg a mais, entrei com 88kg e sai com 104kg.

    Amiga, queria seu email pra podermos converçar mais.
    Adoro sua força... to precisando de força tb, to com o peso estacionado no 98 e não quer sair.
    Bjsss e otima semana....

    ResponderExcluir
  10. Rachel, fiquei emocionada com o teu post. Me identifiquei em várias situações.
    Você é uma vencedora mesmo! Parabéns por sua eliminação! Estamos juntas nessa batalha! Beijo grande!

    ResponderExcluir
  11. òtimo post!!
    é isso ai mesmo temos que nos dar mais valor, se não as pessoas acham que agente não vale nada e passão por cima!
    bjus....
    ótima semana!

    ResponderExcluir
  12. Rachel, excelente post!!

    Fazia um tempo que não parava para pensar sobre isso. Adorei a sua franqueza sobre a situação.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. O maior problema do excesso de peso é realmente esquecermos de nós mesmo, é como se a gente estivesse dentro da matriz, e depois de um tempo a gente acorda pra vida e resolve que tem que tomar alguma atitude para mudar isso.
    Parabéns por sair da Matrix, estamos juntas nessa :)
    Que venha o novo mês, nova semana, como a oportunidade de podemos eliminar mais quilos inconvenientes.
    Bjus

    ResponderExcluir
  14. Nossa amiga que post lindo, adorei conhecer melhor sua história. E sim vc é vencedora sim. Vai em frente, que vc consegue, nos conseguimos.
    Bjus e ótima semana pra vc.

    ResponderExcluir
  15. EU AMEI SEU POST!
    Poucas vezes vi vc desabafar assim
    ADOREI!

    Parabéns por ter mandado 4 kg pra PQP!

    Calma,que um emprego legal vai chegar
    Dá uma espiadinha na Catho (uma semana gratis)
    Pq mensal tá custando 70 paus!

    Eu tenho Via Embratel pago 79 reais (pacote Familia)
    Esse pacote não tem Telecine...mas vc ganha todos os outros canais.

    Sem tv a cabo eu não vivo...hehehe

    Te adoruuuuu
    Beijaum

    ResponderExcluir
  16. Menina não sei nem o que comentar ,seu post maravilhoso fala tudo e mais um pouco já Te admirava agora ainda mais , parabéns pela corajem de abrir o coração ,e vc abriu de uma forma simples e muito profunda,parei ate para pensar no meu processo de engorda rsrsr beijocas e continue firme,pois queremos continuar comemorando vitorias e conquistas aqui no seu cantinho beijocas e parabéns pela eliminação excelente

    ResponderExcluir
  17. oi amiga então é fácil ver o que desencadeia a compulsão alimentar né? é muito importante fazer essas avaliações pra que possamos controlar e saber lidar com elas, passei isso num último emprego, e eu gostava demais dele, no fim de um ano estava com 15 kgs a mais... agora tb não aceito qualquer coisa, ótima semana pra gente cheia de superações, parabéns pelo 4 kgs bjs

    ResponderExcluir
  18. Rachel,

    Fiquei até comovida com sua história. Você está totalmente certa. O que importante são as prioridades e nessa vida temos que ser prioridade de nós mesmas.

    Boa sorte!! Estamos juntas.

    Beijão

    ResponderExcluir
  19. Rachel querida! Q post reflexivo! É isso aí, em frente em busca de bons resultados, com garra e determinação. Bjs

    ResponderExcluir
  20. Olha Raquel tô pasma com tua história. Mas olha, já que você citou o Diabo vesta prada, vou te dizer com toda sinceridade [mesmo que vc me xingue]. Eu AMO esse filme. De verdade! tanto que pedi meu namorado pra gravar pra mim. Vejo quantas vezes precisar. E sabe qual a cena que mais gosto? A do "neidel" falando com a Andrea, quando ela pensa em desistir. Ele diz: "O que você espera que eu diga? Ó coitadinha da Andrea, ela tá se esforçando! Na verdade ela não tá se esforçando e ainda quer uma estrelinha por cada tarefa que faz. Acorda querida".
    E logo no final a Miranda diz: "Todos nós temos escolhas e fazemos elas todo o dia".
    A Andrea tudo falava no filme: "não tive escolha". E amiga, sinceramente? TRabalhar num lugar lindo e chic mesmo se matando e ainda ter um restaurante vegetariano e MESMO ASSIM dar um jeitinho brasileiro de tomar o caminho errado, foi F***DAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.
    Sei sei que é horrível falar isso, não sei nada da sua vida, nem o que vc passou. Mas tudo é reflexo das suas escolhas. Comigo é IGUAL e com todas as outras não é diferente. Tb já tive chefe FDP! e também ja engordei de tanto comer coxinha no bar da frente da farmácia quando trabalhava, sabado domingo feriado e tudo mais.
    MAs quer saber? NEM QUERO MAIS PENSAR NISSO.
    QUERO PENSAR SIM DAQUI PRA FRENTE E SEI QUE VC CHEGOU NO ESTÁGIO QUE TB QUER FAZER ISSO.
    ENTÃO EU SÓ POSSO TE PAREBENIZAR PELA TUA FORÇA E PASSAR POOR ISSO TUDO E AINDA TER FORÇA PRA RECOMEÇAR.
    ESQUEÇA O QUE PASSOU.
    E LEMBRE-SE: VC SEMPRE TERÁ O PODER DA ESCOLHA.
    ESPERO E DESEJO QUE ACERTE DESTA VEZ.
    MIL BEIJOS.
    ADOREI TEU POST.

    ResponderExcluir
  21. engordei mais ou menos assim, de estresse em estresse fui indo, indo... engordando e cheguei aos quase 90 quilos!!! primeiro era o TCC que estressava, depois o trabalho... e assim fui indo... tudo assim desculpas e mais desculpas pra encher a boca de doce, valha-me deus, mas tudo bem, nos recuperamos aos poucos né?? és uma guerreira sim!!! muitas vezes nao sabemos a força que podemos ter... uma semana maravilhosa! bjus!!

    ResponderExcluir
  22. Ai menina... me emocionei com seu post todo mas principalmente com suas últimas palavras...
    Não desistamos dos nossos sonhos!!!
    Show flor, vc já é vitoriosa de pensar assim!!!
    Vc me fez pensar muito nos sonhos...
    bjo querida e ótima semana pra vc!!!

    ResponderExcluir
  23. Vc está certíssima.. estamos sempre querendo dar desculpas..mas a verdade é que os kilos não estariam ali se não aceitássemos comer tudo que foi um dia colocado para dentro.
    Amei o post.
    bjs
    fernanda

    ResponderExcluir
  24. Amiga que hitória mas forte ,vi o quanto você é guerreira ,e adorei a tua forma de escrever ,era como se você estivesse aqui do lado contando pra mim a sua história.Somos felizes porque sabemos o que queremos,e o mais importante sabemos como alcançar os nosssos objetivos,e sabemos que agora é apenas uma questão de tempo.
    BJos.

    ResponderExcluir
  25. Eu disse que tem pinta de vencedora! E olha só como eu estou certinha!!!!
    Beijos e parabéns. AMEI esse post, que me fez pensar em tantas coisas pelas quais também passei... Beijo

    ResponderExcluir
  26. Parabéns... Deus abençoe vc... Vc é uma vencedora e um exemplo para nós!.


    Bjos
    bruna

    ResponderExcluir
  27. Eie Flor...
    estamos juntas nessa.. apesar desse post ser antigo, com certeza muita gente ainda se identifica com ele...e eu sou uma delas.
    Adorei seu blog, estou na luta para emagrecer mas muito mais focada na saúde... eu estou começando agora meu blog e gostaria de partilhar com vc minha historia... e juntas somos fortes.. já to seguindo aqui.... e parabéns por tudo conquistado, por tudo eliminado.. e por tudo que és hoje... a gente mudané?:? muito interessante...
    bjus da Cris

    http://rumoao70.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir