08 maio 2015

Cuidados pessoais

postado por Cottage Regressiva

Esse é um dos momentos mais relaxantes para mim. Eu me sinto tão bem! Essa semana eu escolhi algo mais nude... Camurça para as mãos e Renda para os pés. A gente tem que ter um punhado de atividades coringa para dar um up no astral, na autoestima e que nos faça esquecer de certas chatices da vida, viu? Fazer as unhas é um desses para mim...


Por outro lado, eu tinha me dado de presente alguns itens de maquiagem, lembram? Pois bem, chegaram esta semana. Outra coisa deliciosa: comprar e receber o pacote em casa. Estou fazendo de tudo para levantar o astral, sabe! Todo investimento que faço em mim, tenho aprendido que é super válido.







O café da manhã é o momento mais tranquilo para mim (em nível de determinação com a dieta)! Sério, eu sempre acordo muito motivada para fazer o plano alimentar dar super certo, em ajustar a agenda (ou melhor, o PLANNER, pois agora estou chique rsrs),  para fazer a atividade física do dia, em não fazer nada errado, mas vai passando as horas e não sei o que acontece. Vem uns desejos, uns pensamentos nada a ver em relação ao meu objetivo maior e sempre termino o dia mais pra ruim do que para bom. Com isso ando pensando em voltar para o Vigilantes do peso. Eu sei que já domino todo o programa, mas eu realmente ando analisando o peso das reuniões, de estar em contato face a face com outras pessoas com o mesmo objetivo, ouvir aquela palestra (que parece sempre mais do mesmo), mas que é na verdade um sopro de motivação toda semana, toda semana, toda semana... Ainda tem a pesagem, que dá uma pressãozinha no cuidado com você mesmo (e uma vergonha)! Talvez, eu ainda precise disso - o que acho uma grande pena.

Eu leio o blog da Larissa, o Meu Emagrecimento (amo), mas eu não tenho essa sabedoria toda em lidar comigo mesma, esse entusiasmo constante. Por isso, agora ando batendo nessa tecla da autoestima, do cuidado máximo comigo mesma, ao invés de ficar esperando uma estrelinha dos outros ou os outros mudarem ou realizarem coisas por nós. Mas acaba que o VP é meio isso, não é mesmo? Quanta admiração por quem é focado, que coloca um objetivo, escreve o passo a passo e pratica milimetricamente suas diretrizes. Nós é que temos que ter todo o amor e carinho necessário com a gente mesmo. Eu sou um pouco boa em cuidar dos outros, por qual motivo não sou um pouco boa em cuidar de mim mesma? Em cuidar dessa obesidade que só me tira vida. Eu gostaria de ser mais forte e generosa comigo mesma como sou com os outros. Mas ainda estou em processo de aprendizado... Eu não economizo com presentes para mim, não economizo na hora de trocar as toalhas ruins pelas de algodão egípcio, mas por qual motivo não consigo decidir pelo que é melhor para mim mesma nesse processo de emagrecimento? A nítida impressão é que a comida vai vencendo aos poucos, vai dando dribles em mim mesma... 


2 comentários:

  1. É engraçado, esses questionamentos são os mesmos que faço para mim, tenho tentado. E adotei o mantra do aos poucos vou mudando, aos poucos. Tem dado pequenos resultados, mas como é difícil essas coisas não é? Beijão continue sua busca e vamos trocando sempre.

    ResponderExcluir
  2. Oi Rachel, amei a cor do esmalte e seu blog. Vi seu post aqui e refleti contigo. Cuidamos de tudo ás vezes e esquecemos de nós. Da nossa luta! Estou te seguindo! Um super beijo e força na caminhada que vc consegue!!!!
    Super Beijo!!!!♥
    http://www.simplesmentemandinha.blogspot.com/

    ResponderExcluir