19 fevereiro 2016

Planner virando Journal

postado por Cottage Regressiva


Planner virando Journal, praticamente. Amo meu planner, amo, mas depois que chegou a minha Molang (que também não deixa de ser um planner) é ele que venho levando para cima e para baixo. O glamour por dentro da minha Molang é quase zero, mas ela por ser pequena, leve, flexível, cabe na bolsa com perfeição e abriga meus compromissos, minhas LISTAS (que não vivo sem) e meus rabiscos, de forma mais dinâmica. Sendo assim, meu planner está com cara de Journal, mas não vejo nenhum mal nisso...


O Journal é um local onde você registra experiências marcantes. Existem vários tipos de Journals. Podemos dar como exemplo: os diários de viagens (com mapas, listas, lembranças do local, rascunhos rápidos sobre a experiência); os com projetos específicos (decoração de casa, gravidez, bodas, intercâmbio); os que viram caderno de arte (com recortes de revistas, fotos, frases inspiradoras, letras de músicas); os que viram uma referência zen (com orações, imagens que lhe remetam paz e serenidade, cânticos, partes de livros que você aprecie, frases de seus gurus); etc. Grandes pensadores tiveram seus journals e são preciosidades para toda a humanidade.


Meu planner está cheio de fotos que imprimo, pesagens semanais, frases motivacionais, trechos de livros que adoro, recortes de decoração que quero fazer, afirmações positivas, livros que quero ler, filmes que quero assistir, projeto de festinhas com pessoas que quero receber, inspirações culinárias... Está quase sendo um Journal de tudo que acontece na minha vida no ano de 2016! As coisas mais chatas, porém necessárias como médico, receber pedreiro, receber encomendas, estão ficando para a Molang. Como meu planner é de mesa, daqueles grandões e pesados (tem post dele aqui no blog), me dá uma alegria quando sento e começo a observá-lo.


No ano de 2014 quando mudei de casa tive um Journal para a mudança. Era uma Moleskine vermelha e pequena (para que eu pudesse levar comigo para todo canto). Anotei que tipo de apartamento queria; colei recortes com a decoração que desejava; anotei os modelos específicos dos eletrodomésticos que eram meu sonho; tinha paletas de cores entre as páginas como inspiração para as paredes; desenhei a planta do apartamento escolhido para ver onde encaixaria tudo o que eu planejei; fiz lista com cada item para organização de documentos, instalação de serviços, recebimento de móveis; enfim, tudo sobre a mudança. Hoje tenho uma super recordação de como foi esse momento, de como foi ter minha casa com a minha cara, pela primeira vez! Ter um journal é fascinante! 


5 comentários:

  1. Que interessante, Rachel. Nunca tinha pensado em fazer isso, mas você me deu uma ótima ideia. Eu sonho muito construir minha casa, já tenho vários projetos, mas fica tudo jogado e eu acabo perdendo um monte de coisa. Sou bagunceira demais. Isso talvez me ajudaria. Vou comprar uma agenda pequenininha e começar pra ver no que dá.
    Obrigada por compartilhar!
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Eu já nem sei mais o que é meu planner, é de um tudo misturado. Tem impressões da vida, tem planejamento, tem agenda, tem sentimentos e por enquanto tô conseguindo me entender dentro da minha bagunça organizada...rs. Mas as imagens dos journals que eu vejo pela internet são de encher o coração de amor, umas pessoas com muito talento, né? Viram obras de arte, com certeza.

    ResponderExcluir
  3. Que legal Rachel, preciso ser mais organizada...amei, bjs

    ResponderExcluir
  4. Olha aí uma recordação boa sobre sua casa hehe... Ganhei uma Filofax da minha irmã no fim do ano, mas ainda não consegui organizá-la para usar como quero... tinha pedido um Moleskine quadriculado grande pra ela, pra fazer bullet journal, mas acabei ganhando as duas coisas e decidi pela Filofax porque já vem com datas, etc & tal. Estou demorando a usá-la plenamente justamente por querer que ela tenha de tudo um pouco: compromissos, tarefas, listas, colagens inspiradoras...

    AH[1]: comprei uma Molang também (antes de saber que ganharia o Moleskine e a Filofax) pelo eBay em dezembro e ainda não chegou, demora isso tudo mesmo?
    AH[2]:journal de viagem é um sonho, esse ano quero começar a fazer...


    :* Rachel!

    ResponderExcluir
  5. Gente que coisinha mais linda! Super inspirador. Bom pra manter as ideias em ordem e as recordações fresquinhas! Adorei :***

    ResponderExcluir