26 abril 2016

Não existe certo ou errado

postado por Cottage Regressiva



Esses dias tive que decidir se pagava ou não o domínio aqui do blog já que não estou postando com a mesma frequência que antes. Precisei parar alguns instantes para refletir. Refletir não sobre os tostões que seriam gastos, mas sobre o meu objetivo em ainda mantê-lo. Algum tempo atrás o blog começou a me incomodar pra valer, afinal, eu o criei com o objetivo de ser para o acompanhamento da passagem da obesidade para um peso normal, mas apesar de tantas tentativas, erros e acertos, nunca cheguei perto de atingir minha meta - que era ao menos sair dos três dígitos. Dito isto, qual seria o propósito de continuar escrevendo?

São meses estudando muito, encontrando vários "mestres", praticando várias técnicas e cheguei à conclusão de que quero continuar escrevendo por um simples motivo: para o meu próprio entendimento sobre essa busca que não é mais apenas superficial. É uma reformulação total de dentro para fora. É no que verdadeiramente acredito e onde ganho resultados. Não é de hoje que bato nessa tecla e compartilho. Faço parte do grupo que necessita aprender a amar e a cuidar de si mesmo, e a achar o grande barato disso - que vai além dos números da balança. 

O que é fácil para um, pode ser um grande enigma para o outro e isso não mede nosso valor, não cabe comparação, são vivências particulares, porém, não menos significativas e importantes para o todo. Então, não tenha medo ou vergonha de buscar ajuda se sentir que está empacado em algo que te suga a alma. Para uns funciona a palavra de um médico, para outros o baque da cirurgia ou do resultado de algum exame, para outros um retiro, uma terapia, outros solucionam com uma simples decisão, mas o que define nossa força é a não desistência e o fato de aceitar que somos seres únicos e de valor. Podemos estar exaustos, desiludidos, amargurados, mas há saída para todo tipo de problema e estado emocional. TUDO É PASSÍVEL DE MUDANÇA - e aí entra aquele relacionamento que já não te faz tão bem; entra buscar novas alternativas para a carreira que foi para um lado que você não imaginava;  o resgate de sonhos antigos; novos amigos; nova rotina, etc...


5 comentários:

  1. E como aprendemos com essa diversidade!

    ResponderExcluir
  2. Oi Rachel, é a Carlla, lembra, das dicas de onde achar roupas plus size. Então, sempre passo no seu blog para ver como vc está e me inspirar com seus textos. Acho que já te disse isso, mas se não, você poderia escrever um livro... Aliás vários, vc consegue sintetizar essas mudanças no nosso interior, exterior, algumas sutis, outras tão avassaladoras. Lembra que te convidei ano passado para um grupo de whats dedicado a dieta?!?! Então, esse grupo deu muito certo, por um tempo os objetivos foram alcançados, eu perdi 10 kg em 1 mês, e sem sofrimento ou restrição, apenas estava determinada sabe, não jacava, não me dava desculpas para falhar, e a perda de peso foi acontecendo naturalmente. Porém fui me sobrecarregando com um emprego novo, os problemas conjugais batendo à porta, e o que era determinação, virou uma inércia de dar dó, lógico que os 10 kg voltaram e mais uns 3 rsrsrss. Mas mesmo tendo fracassado nessa tentativa tbm, eu percebi que posso sim chegar aonde quero, e lendo seu blog, acompanhando seus questionamentos tão nossos, meu, seu, de tantas meninas, percebo que o segredo é não desistir, e enquanto não achamos o meio definitivo, que busquemos a satisfação nas pequenas coisas do dia a dia. Acredite, não somos as únicas com problemas e dilemas existenciais, mesmos as magérrimas, as gostosonas, elas também passam maus bocados. E sabe qual é a medida da felicidade, é encontrar paz dentro de sua rotina, de seu lar, da sua união, e isso temos de sobra, então não estamos totalmente na busca pela felicidade, nós já a temos, só queremos reforçá-la. Bjs e não some, seus textos me fazem muito bem.

    ResponderExcluir
  3. Oi Rachel total verdade. Ando em busca do amor próprio diário, aquele cuidado dia a dia é uma forma de me encontrar estar bem comigo . Sempre podemos mudar o que não nos agrada e melhorar. Ótimo dia para vc. beijos

    ResponderExcluir
  4. Minha querida,
    Que bom q vc decidiu continuar a escrever...seus textos são muito realistas e enriquecedores pra todos que estão na mesma jornada q a sua, vivenciando as mesmas dificuldades, desânimos, recomeços...É assim mesmo,o importante é nunca desistir,como vc mesma disse.
    Continuo por aqui, sempre torcendo pelo seu sucesso,mesmo q de longe...vc é uma pessoa muito especial! Um abraço...Márcia

    ResponderExcluir
  5. como sempre adoro as coisas que vc diz.... e que bom que vc decidiu continuar escrevendo no blog....
    alyne

    ResponderExcluir