05 julho 2016

Iluminando o caminho

postado por Cottage Regressiva


Yogananda, guru indiano, dizia que os hábitos fazem com a gente, exatamente o que aquelas carrocinhas que tinham um cavalo na frente na época medieval faziam com os prisioneiros, arrastam os condenados até a morte. Então, talvez, seja uma brilhante ideia fazer um pingo de esforço nas escolhas diárias para mudar. E mais brilhante ainda, seja reunir o máximo de paciência para não deixar esta mesma carroça passar na frente dos bois (meu caso de anos) e se embolar. Deixei de culpar os profissionais, a minha má sorte por ter nascido com essa tendência insuportável de engordar só por respirar, deixei de culpar a família (apesar da consciência dos péssimos hábitos adquiridos), pois na vida adulta somos nós, apenas nós, no comando. Levei mais de 30 anos (e muita terapia) para essa ficha cair e cá estou, iluminando meu próprio caminho, assumindo minha vida de uma vez por todas. Para meu espanto: está dado certo! 

Estou indo muito bem com o plano alimentar novo. Estou indo muito bem com o remédio para as dores da chikungunya - o que me faz ter vontade de arriscar voltar para a academia. O que muito funciona para mim, é o fato mais óbvio do mundo, ter todos os legumes e verduras devidamente organizados na geladeira para preparo rápido. Seguir um plano à risca dá muito mau humor de vez em quando e, acredite, você não vai querer gastar seu tempo lavando folhas. Cansa, enjoa. Já sei que é algo normal esses altos e baixos e não fico mais me debatendo com eles. Aceito e tento contornar. Até o final do ano sei que vou conseguir o resultado que quero. Sim, tenho uma meta traçada de pequenas em pequenas etapas no papel e isso faz diferença. Estou no lucro. Agora é perseverar. Que o Universo continue me dando forças e iluminando meu caminho. 


13 comentários:

  1. que assim seja. o bom de tomar as rédeas da vida é que, quando alguma coisa muito boa acontecer, tbem é só responsabilidade sua. é isso aí. a gente sofre influência das coisas. mas o que a gente decide fazer, principalmente qdo a gente toma consciência do que acontece psicologicamente, é responsabilidade só nossa.

    ResponderExcluir
  2. Oi Rachel, fico muito feliz em saber que está encontrando 'o seu caminho' para uma vida mais leve, não estou dizendo somente no sentido de leveza na balança, a vida é uma eterna aprendizagem, o que nos faz bem hoje amanhã pode não ser tão bom assim, a minha meta de vida é ficar ou estar melhor que ontem, nem sempre isso é possível, fazemos planos e achamos que não nada fará sairmos dele, e não é bem assim, encontramos sim pedras no meio do caminho, mas só cabe a nós sabermos usarmos com sabedoria, buscar o equilíbrio sempre, saiba que você não está sozinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua meta de vida é a mais incrível e sensata de todas: "estar hoje melhor do que ontem"!

      Excluir
  3. Para mim os legumes funcionam super bem. Tenho alguns em forma de antepasto, e congelados para ficar bem prático.

    ResponderExcluir
  4. Olá :D não te visitava há algum tempo, tenho de me pôr a par das novidades. Tudo bem por aí? :)
    Tens razão, culpar o universo é meio caminho andado para não se fazer nada acerca de um problema. Todos temos mais sorte numas coisas e menos noutras, não serve para nada vivermos angustiados com tendências ou azares - a não ser se isso nos levar ao esforço no sentido de os contrariar.
    A estratégia parece-me muito bem, e noto que estás determinada. Continua assim, força! No fim do ano vai, com certeza, estar compensado todo o esforço. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba! Que bom que voltou! Estou animada siiiiim! Obrigada pela força de sempre!!! Bjss

      Excluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir