30 setembro 2016

Sair da ilusão

postado por Cottage Regressiva



É engraçado eu ainda ter um blog. Mais engraçado é ele ficar fechado por algum problema com layout e/ou manutenção de algum item e as pessoas mandarem mensagens perguntando o motivo, perguntando quando reabre. Mais bizarro ainda, sou eu escrever cada vez menos sobre obesidade/emagrecimento (que sempre foi o motivo principal deste - whatever), mas as pessoas continuarem tendo interesse. Ou seja, mais do que por um mero sentimento de curiosidade sobre como vou na balança, elas levam todo o conteúdo aqui esmiuçado para suas vidas e esta é minha pequena recompensa. Era para ser um blog sobre emagrecimento puro e virou o quebra-cabeça para vencer a obesidade. Era para ser superficial, mas virou profundo e de todo mundo.

Um amigo compartilhou que as pessoas continuam apostando rios de dinheiro na indústria do emagrecimento, porque a realidade da grande maioria é exatamente essa: o sobrepeso, a obesidade e, não ao contrário, como nós simples mortais sempre imaginamos. É fácil nos xingarmos no espelho e choramingarmos no travesseiro como se TODO mundo conseguisse e SÓ A GENTE que não, mas a verdade é que a maioria tem sérios problemas para se manter no foco. Seja por motivos econômicos, seja por motivos emocionais ou por estar sobrecarregado. "Quem quer faz, quem não quer arruma uma desculpa", foi a frase mais infeliz dos últimos tempos, pois anula os sentimentos, as limitações, as doenças. Claro que em meio a milhares, alguns poucos vão conseguir ser essa rocha poderosa, mas infelizmente quem luta contra a obesidade, o sobrepeso e os inúmeros transtornos alimentares existentes, é que são a maioria. 

Mudando de assunto: apesar de querer manter o blog e continuar trocando conteúdo, preciso confessar que estou reduzindo redes sociais para me concentrar no que é realmente importante. O blog Vida Organizada tem posts incríveis a respeito. Aliás, estou lendo bastante sobre otimização do tempo e em breve compartilho autores. 

No momento, estou lendo este livro abaixo e ele tem dicas simples. Cheguei a me surpreender como mudança de pequeninos hábitos na rotina podem melhorar a qualidade de vida de uma família. Mas são mudanças bem simplórias mesmos e isso me atrai. A gente pensa sempre no máximo e esquece de observar as menores atitudes que levam à grandes resultados. Pensem nisso.


🌟🌟🌟 Se julguem menos, se comparem menos e milagres podem acontecer! 🌟🌟🌟